Genero e Inteligencia Artificial-Perguntas

1. Qual é o objetivo da Chamada Aberta de Inovação Regional e IA?

Buscamos soluções inovadoras baseadas em tecnologia de aprendizagem automatizada e inteligência artificial (IA) desenvolvidas pelo setor privado, startups, empresas, universidades e sociedade civil, onde há abordagem direta ou indireta de problemas com base em uma perspectiva de sexo e gênero nas áreas (áreas da Convocatória) de inclusão financeira; educação, talento e emprego; saúde e bem-estar social e outras áreas verticais do Laboratório BID, para possível financiamento pelo Laboratório BID para dimensionar tais soluções na região.

2. Quais são as áreas da Convocatória?

  • Saúde e Bem-Estar Social 
  • Educação, Talento e Empregabilidade 
  • Inclusão financeira
  • Outras áreas verticais do Laboratório BID*

*As áreas verticais do Laboratório BID são: (i) agricultura e capital natural; (ii) serviços de infraestrutura essenciais; (iii) inclusão financeira; (iv) educação, talento e empregabilidade; e (v) saúde. Além disso, possui eixos transversais: (i) mudanças climáticas; e (ii) gênero e diversidade.

3. Posso me inscrever para a Convocatória se eu usar ou desenvolver tecnologias de dados (big data), mas não estou implementando atualmente tecnologia de IA/aprendizado de máquina?

Nosso principal objetivo são soluções baseadas em IA, mas não descartamos aquelas soluções que atualmente implementam big data de grande porte e com potencial para melhoria após a implementação das tecnologias de IA. No entanto, será dada prioridade às soluções que já implementam IA/aprendizado de máquina.

4. Posso enviar minha inscrição se minha solução baseada em IA não abordar diretamente uma lacuna de gênero, mas incorpora uma perspectiva de sexo e gênero em qualquer uma das outras áreas de interesse da Convocatória?

Sim, também estamos procurando soluções escaláveis que incorporem uma abordagem de sexo e gênero em relação aos campos de interesse da Convocatória, ex. inclusão financeira; educação, talento e empregabilidade; saúde e bem-estar social; outras áreas verticais do Laboratório do BID e mesmo que não abordem diretamente uma lacuna de gênero.  

Por exemplo, uma solução no campo da inclusão financeira que não visa explicitamente a incorporação financeira de mulheres ou grupos sub-representados, mas com algoritmos que envolvem, desde o design, a mitigação de vieses ou parcialidades com base em sexo e gênero, raça e status socioeconômico. O mesmo se aplica às outras áreas de interesse da Convocatória.

5. Quais países podem se inscrever à Categoria A ( suporte financeiro)?

Os candidatos legalmente registrados em um dos 26 países mutuários do BID onde o projeto será implementado podem se inscrever na Categoria A. Os 26 países são: Argentina, Bahamas, Barbados, Belize, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, República Dominicana, Equador, El Salvador, Guatemala, Guiana, Haiti, Honduras, Jamaica, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, Suriname, Trinidad e Tobago, Uruguai e Venezuela. 

Os candidatos que não estão legalmente registrados em um dos 26 países mutuários do BID, mas que estão registrados em qualquer um dos 22 países não mutuários a seguir, podem se candidatar à Categoria A, juntamente com uma organização registrada baseada em um dos 26 países mutuários onde o projeto será implementado Os 22 países não mutuários são: Alemanha, Áustria, Bélgica, Canadá, China, República da Coreia, Croácia, Dinamarca, Eslovénia, Espanha, Estados Unidos, Finlândia, França, Holanda, Israel, Itália, Japão, Noruega, Portugal, Reino Unido, Suécia e Suíça.

6. Interessados de quais países podem se inscrever à Categoria B (menção honrosa)?

Candidatos dos seguintes países: Alemanha, Áustria, Bélgica, Canadá, China, República da Coreia, Croácia, Dinamarca, Eslovénia, Espanha, Estados Unidos, Finlândia, França, Israel, Itália, Japão, Noruega, Países Baixos, Portugal, Reino Unido, Suécia e Suíça.

7. Quem é elegível para participar?

Firmas, pequenas e médias empresas (PMEs), startups/empreendedorismo, organizações de impacto social, organizações da sociedade civil (ONGs, fundações) e universidades que desenvolvem e implementam soluções de mercado baseadas em IA e aprendizado de máquina. As soluções devem contribuir para o crescimento econômico, bem-estar social e melhoria dos serviços sociais de saúde e educação, ao mesmo tempo em que contribuem para reduzir a desigualdade na região.

8. Como posso me inscrever

A inscrição deve ser preenchida e enviada online através da plataforma YouNoodle.

9. Posso anexar documentos de respaldo à minha inscrição?

Os únicos anexos aceitos são os especificamente solicitados no formulário de inscrição; nenhum outro anexo será examinado.

10. O que é a auto avaliação ética fAIr LAC 3S que deve ser concluída pelas propostas pré-selecionadas?

A auto avaliação Ética fAIr LAC para Empreendedores é uma ferramenta desenvolvida pelo BID Lab para apoiar o setor privado na transmissão de princípios éticos da IA para o desenvolvimento e implantação de suas soluções tecnológicas baseadas em IA. As candidaturas pré-selecionadas terão acesso à versão interativa da ferramenta, destinada a criar um perfil de equilíbrio ético em torno de três áreas: Solução, Sistema e Sociedade, obtendo assim recomendações factíveis que permitem aos desenvolvedores priorizar e incorporar elementos de melhoria de produtos e mitigação de riscos em suas soluções. 

O resultado deste exercício será o aporte para preparar o passo a ser apresentado pelas entidades durante o processo de seleção final.  

Não buscamos pontuações perfeitas nas autoavaliações, mas sim resultados honestos e transparentes que demonstrem o reconhecimento da importância do conceito de "IA ética" no desenvolvimento de produtos, serviços e soluções com esta tecnologia. As entidades que forem aprovados com sucesso na fase de pré-seleção passarão por uma revisão dos resultados com o objetivo de confirmar a consistência da autoavaliação para a concepção das propostas a serem submetidas para financiamento do Laboratório do BID, como parte do processo de due diligence. 

11. Se minha organização for escolhida para a Categoria A e busca doações não reembolsáveis ou financiamento de recuperação contingente, qual deve ser a contribuição de minha instituição como contraparte do financiamento do IDB Lab?

No caso de projetos que solicitem uma doação não reembolsável ou um financiamento de recuperação contingente, cada organização será responsável pelas contribuições de contrapartida cobrindo 50% do valor total do projeto proposto. Os 50% não cobertos pelo Laboratório do BID são considerados como contribuições de contrapartida local e têm de ser assegurados pela organização durante a execução do projeto. Pelo menos metade de todas as contribuições de contrapartida deve ser fornecida em dinheiro, com o objetivo de cobrir os custos de implementação do projeto. A metade restante da contribuição da contraparte pode ser fornecida em serviços, incluindo o uso de salas de conferência ou espaços de escritório, uso de equipamentos e tempo dedicado pela equipe da organização para atividades específicas do projeto.

12. A minha instituição pode receber/buscar apoio de outras organizações destinadas a atender aos requisitos de financiamento de contrapartida?

Sim. As organizações candidatas podem implementar recursos de uma variedade de fontes, incluindo entidades privadas, agências governamentais nacionais e internacionais, ONGs, fundações e órgãos bilaterais e multilaterais, desde que esses fundos possam ser usados para o projeto proposto com o Laboratório do BID. 

13. Como será o processo de seleção?

O processo de seleção será composto por duas partes: Pré-seleção e Seleção (dia do pitch). 

Pré-seleção (Fase I): Nesta fase, serão realizadas avaliações telemáticas das propostas para reduzir o universo de aplicações às melhores propostas.  

As melhores propostas serão convidadas a realizar um exercício de auto-avaliação ética da IA através de uma ferramenta web interativa, bem como um boot camp (treinamento) destinado a preparar o pitch que será apresentado ao júri que determinará quais propostas serão selecionadas.  

Seleção (Fase II): A seleção será realizada através de um dia de apresentação com um painel composto por especialistas do Laboratório do BID e especialistas em gênero e IA, que determinarão as propostas vencedoras. 

As entidades vencedoras serão notificadas em novembro e convidadas a participar de atividades de fortalecimento de propostas organizadas pelo Laboratório do BID, aliados e parceiros. 

14. Quando saberei o resultado da minha candidatura?

Os vencedores serão anunciados em novembro de 2022 no site da Convocatória.

15. Receberei feedback sobre o conteúdo da minha proposta após a selecção das candidaturas vencedoras?

Não fornecemos feedback individual ou comentários sobre propostas, em nenhuma circunstância.

16. Posso me inscrever a Convocatória se a minha organização já tiver recebido fundos do Laboratório do BID?

Sim. No entanto, o BID Lab não financia projetos de continuação. Portanto, a ideia do projeto deve ser completamente nova, com objetivos diferentes. Além disso, para solicitar novo financiamento, o projeto anterior deverá provar ter obtido resultados positivos.

17. Posso enviar a candidatura num idioma diferente do inglês?

Sim, além do inglês e espanhol você pode enviar a candidatura em português. Os documentos de elegibilidade (comprovante de registro legal, estatuto social e relatório dos auditores) podem ser apresentados em português, francês, inglês e espanhol.

18. Quem devo contatar se eu tiver perguntas a respeito de minha submissão?

Considere que apenas as perguntas relacionadas a questões técnicas serão respondidas. Você poderá enviar as suas perguntas por e-mail antes do prazo para: genderaichallenge@iadb.org. Este e-mail estará aberto até a data de envio (31 de agosto de 2022, 23:59 EST, Washington DC). 

19. Quais informações devo completar para submeter a candidatura online?

Clique aqui para ver quais informações são solicitadas, mas lembre-se de CANDIDATAR-SE ONLINE.

20. Onde posso obter mais informações sobre como preparar meu pedido e acessar a gravação da sessão de informação em 20 de julho?

Clique aqui se você gostaria de assistir à gravação da sessão de informação.

21. A mesma instituição pode apresentar mais de uma proposta?

Sim.

22. Com que tipos de entidades podem ser estabelecidas parcerias para se qualificar para um possível financiamento de Categoria A?

Estas informações podem ser encontradas na seção 5 das diretrizes da convocatória.

23. O candidato pode ser uma empresa europeia?

Sim, desde que faça parte dos países membros não-mutuários do Grupo do BID. Se você não tiver uma aliança ou parceria com uma entidade registrada em um país membro mutuário, você pode solicitar a Categoria B (menção honorária).

24. O que significa o financiamento da recuperação contingente?

É um financiamento reembolsável, cujo reembolso depende do sucesso da solução, que pode ser medido com base nas vendas, tração, impacto social ou outras métricas acordadas durante o processo de due diligence.

25. Que tipos de organizações podem solicitar financiamento para doação não reembolsável?

Estas informações podem ser encontradas na seção 6 das diretrizes da convocatória.

26. No caso de subsídios não reembolsáveis, 50% da contrapartida solicitada pode ser dividida entre as instituições que fazem parte da parceria solicitante? Os salários da equipe de implementação podem ser considerados como contrapartida em dinheiro?

Afirmativo em ambos os casos.

 

 

27. As propostas apresentadas por organizações da sociedade civil devem ter um modelo de negócios?

Qualquer proposta submetida para financiamento do IDB Lab (Categoria A) deve demonstrar sua viabilidade, sustentabilidade e potencial de crescimento ao longo do tempo.

28. Está procurando soluções cujo componente de inteligência artificial ou tecnologia de aprendizagem de máquinas já tenha sido testado?

Estamos procurando soluções cuja tecnologia tenha sido testada pelo menos em um ambiente controlado com usuários iniciais ou beneficiários externos à organização em desenvolvimento.

29. Qual é o nível mínimo de desenvolvimento esperado das soluções, pode ser um protótipo?

Estamos procurando soluções com tecnologias de trabalho, pelo menos com tração inicial com usuários, clientes ou beneficiários, a fim de poder dimensionar estes produtos e serviços.

 

 

30. O que acontece com as informações confidenciais contidas em meu pedido?

O BID tem uma Política de Acesso à Informação que inclui entre seus princípios a não divulgação de categorias de informações e documentos cuja divulgação poderia causar mais danos do que benefícios. No âmbito desta convocação, o BID e o Laboratório do BID reconhecem que as informações fornecidas na candidatura de cada candidato são confidenciais e, portanto, receberão a proteção de informações fornecidas em caráter confidencial e informações comerciais ou financeiras de uma parte privada, que não podem ser divulgadas ou compartilhadas sem o consentimento de seu proprietário.

Você pode rever a Política de Acesso à Informação aqui:  

https://idbdocs.iadb.org/wsdocs/getdocument.aspx?docnum=35167427

 

 

31. O que acontecerá com a propriedade intelectual existente nas propostas selecionadas?

O IDB Lab reconhecerá a propriedade da propriedade intelectual pré-existente, por isso é importante que os candidatos indiquem a existência de tais criações, sua natureza e aplicação nas soluções propostas.  No caso de subsídios não reembolsáveis, o IDB Lab reserva-se o direito de usar, copiar, distribuir, reproduzir, exibir e executar publicamente quaisquer resultados derivados da execução do projeto, desde que não se refiram a informações confidenciais dos candidatos, nem violem os direitos de propriedade existentes.